A Polícia Civil de Caarapó tenta esclarecer as circunstâncias do provável acidente envolvendo o veículo Fox, placas MHX -7727, encontrado por pescadores dentro do Rio Bopeí, embaixo da ponte da estrada de ligação entre a localidade de Cristalina e a BR 163. Ao verificarem a situação, os pescadores encontraram o carro e perceberam que um homem estava morto em seu interior.

O morto dentro do carro era seu condutor e proprietário João Carlos Coimbra (58). Na segunda-feira a esposa de João havia procurado a Polícia Civil e denunciado o desaparecimento do marido.

No registro, a mulher relatou que o marido cumpria pena em regime aberto e compareceu, na sexta-feira (4), no Fórum da cidade para assinatura de documento e desde então estava sumido. João Carlos, segundo a esposa, estaria com R$ 8 mil que seriam para pagamento de uma dívida.

Peritos estiveram no local fazendo levantamento minucioso da situação em que o veículo estava completamente submerso no local em que o rio possui mais de dois metros de profundidade. A polícia não divulgou o motivo pelo qual João estava condenado.