No final da tarde desta terça-feira (15) a Polícia Rodoviária Federal apreendeu na BR-163, mais um carregamento de cigarro contrabandeado do Paraguai. A carga seria levada para São Paulo em uma carreta Mercedes-Benz com placas do Paraná.

A apreensão ocorreu no km 324, em Rio Brilhante durante fiscalização de rotina, quando policiais abordaram a carreta modelo 1938, dirigida por Edmilson Ezequel da Silva (37). Com a abordagem, o motorista se mostrava inquieto não conseguindo definir a razão de sua viagem pela região.

Assim que ergueu a lona da carreta a equipe constato que a carga se trava a de centenas de caixas de cigarro contrabandeado totalizando 20 mil pacotes da mercadoria. Com a descoberta Edmilson confessou sua atuação no contrabando afirmando ter recebido o veículo em Ponta Porã e deveria levar até São Paulo, Capital, alegando que pelo “serviço”, receberia R$ 3mil.

Edmilson foi preso e encaminhado com veículo e carga para a Polícia Federal. O condutor foi preso pelo crime de descaminho e encaminhado para Delegacia de Polícia Federal em Dourados.

Apreensões

É cada vez maior o volume de apreensão de cigarros contrabandeados do Paraguai tanto pela PRF como pelos demais órgãos de segurança em Mato Grosso do Sul e estados vizinhos. A intensificação desse tipo de crime pode ser notada por exemplo, nos registros da PRF.

Só no ano passado entre 1º de janeiro e 31 de dezembro, foram apreendidos 2.056,42 pacotes. Na semana passada em apenas uma apreensão, foram 600 caixas de cigarro interceptadas quando eram levada para Mato Grosso em meio a uma “mudança” formada por móveis e utensílios inservíveis.