Empresários do setor do comércio varejista de Ponta Porã (Brasil) e Pero Juan Caballero (Paraguai) lançaram nessa terça-feira (23) a quinta edição da Black Friday Fronteira, tradicional liquidação que ocorre nas duas cidades. A campanha será entre os dias 07 e 11 de setembro no comércio da cidade brasileira. E de 08 a 11 de setembro nas lojas do Paraguai. “Por conta de questões com o sindicato local, tivemos de diminuir a edição em um dia no comércio de Pero Juan.  Mas quem aproveitar, verá que teremos descontos de 10% a 50%”, afirma o presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Ponta Porã, Amaury Ozório Nunes, que também é presidente da Associação Comercial do município. “As lojas participantes serão identificadas com a logo da campanha e terão funcionários uniformizados”.

Segundo Amaury, a economia de Ponta Porã já mostra alguns sinais positivos. “Alguns setores já apresentaram 25% de aumento em julho em relação a junho e, em agosto, o índice está perto de 20%”. Ele explica que os brasileiros preferem eletroeletrônicos, enquanto os consumidores paraguaios optam por eletrodomésticos da linha branca, móveis, confecção e calçados.

A liquidação é uma promoção do sindicato do Comércio Varejista de Ponta Porã, Associação Comercial e Câmara de Indústria, Comércio e Turismo de Pero Juan Caballero. Para o presidente do Sistema Fecomércio MS, Edison Araújo, a promoção de eventos como o Black Friday é benéfica para o comércio das duas cidades envolvidas.  Na opinião dele, são cidades-irmãs cuja economia gera emprego e renda para a população. “Cada cidade tem sua característica mercantil, tem seu público cativo. E assim, com essa característica única, a fronteira sobrevive aos mais diversos impactos da economia”, opina.

A expectativa dos organizadores é que 100 mil pessoas aproveitem os quatro dias de liquidação. A segurança será reforçada nesse período.  De acordo com Amaury Ozório, a Polícia Militar e a polícia nacional do Paraguai vão aumentar o contingente nas duas cidades, realizando operações em conjunto para garantir tranquilidade durante as compras. (Com informações Assessoria)