Depois de uma temporada de superação com a grave lesão sofrida no joelho, a zagueira Bruna Benites vive agora a expectativa de disputar a principal liga de futebol feminino dos Estados Unidos – a National Women’s Soccer League 2017. A capitã da seleção brasileira terá a missão de fechar o sistema defensivo da equipe Houston Dash, clube com sede no Texas. De férias em Campo Grande, Bruna falou da expectativa para o novo desafio.

“É uma liga considerada hoje a mais forte do mundo. Não tinha como eu não aceitar (a  proposta). São apenas cinco jogadores estrangeira por equipe”, diz Benites, que jogará ao lado de duas colegas de seleção brasileira, a meia Andressinha e a lateral Poliana.

Esta será a segunda passagem de Bruna, por um clube, no futebol estrangeiro. No segundo semestre de 2016, ela participou do Campeonato Norueguês e foi vice-campeã pelo Avaldsnes Idrettslag.