Jovem é preso pela Polícia Civil ao viver “aventura amorosa” com criança de 11 anos

Um jovem de 18 anos foi preso pela Polícia Civil em Anastácio nesta segunda-feira (19) por estupro de vulnerável e subtração de menor. Ele estava vivendo maritalmente com uma criança de 11 anos, contra a vontade da mãe da menina.

De acordo com informações levantadas pelo JNE, os jovens estavam vivendo juntos há aproximadamente 1 semana no Residencial Cristo Rei, onde foi confirmada a conjunção carnal.

Após ser acionada, a equipe de investigação (SIG) da Delegacia de Polícia Civil de Anastácio realizou diligências e prendeu o autor em flagrante, estando em companhia da vítima.

A Polícia Civil alerta que é legalmente proibido todo e qualquer tipo de contato com fins libidinosos com menores de 14 anos, independente se há ou não conjunção carnal e informa que é legalmente proibido todo e qualquer tipo de contato com fins libidinosos com menores de 14 anos, independente se há ou não conjunção carnal e ainda informa que está atenta aos anseios sociais e combate todos os tipos de crimes, dando especial atenção aos crimes sexuais e com crianças e adolescentes como vítimas.

A reportagem entrou em contato com a Delegacia de Anastácio, mas foi informada que maiores detalhes da ocorrência não podem ser repassados por proibição legal, em prol de proteger a vítima.

A Polícia Civil de Anastácio solicita o apoio da população, denunciando todo e qualquer fato criminoso, onde o denunciante será mantido em sigilo pelo telefone 3245-2207.

 

 

P