Homem de 36 anos, preso por pertubação de sossego, contravenção e por suspeita de descumprimento de medida protetiva, colocou fogo na cela da Delegacia de Polícia Civil de Sidrolândia, na madrugada desta quarta-feira (8).

Conforme boletim de ocorrência, o suspeito estava agressivo, com os ânimos exaltados, e foi colocado na cela enquanto os policiais realizavam o procedimento de recebimento de presos.

Na sequência, o plantonista sentiu cheiro de fumaça vindo da carceragem e ao verificar encontrou a parede pegando fogo. No momento, apenas o suspeito estava no local. Foram tomadas as medidas emergenciais para contenção do incêndio.

Indagado, o preso confessou ter utilizado um isqueiro para colocar fogo na parede. Em relação ao descumprimento de medida protetiva, foi verificado que ainda não havia apreciação do pedido na Justiça, motivo pelo qual não foi realizado o flagrante. Segundo a Polícia Civil, a estrutura não chegou a ficar danificada.

Fonte: Campo Grande News