Deu Aquidauana no handebol masculino dos Jogos Escolares da Juventude de Mato Grosso do Sul, na faixa etária de 12 a 14 anos. A equipe de handebol aquidauanense da Escola Estadual Professora Dóris Mendes Trindade alcançou o bicampeonato (2019 e 2021), e representará a Aquidauana e o Mato Grosso do Sul na etapa nacional. Os Jogos Escolares Brasileiros (JEBs) serão realizados de 29 de outubro a 5 de novembro, no Parque Olímpico do Rio de Janeiro (RJ).

A maior competição escolar estadual é organizada pelo Governo do Estado, por meio da Fundação de Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul (Fundesporte), com apoio da Companhia de Gás do Estado (MSGÁS). Neste ano teve Dourados como cidade-sede da etapa das modalidades coletivas.

As disputas do handebol aconteceram no último fim de semana, dias 11 e 12/09. Para levar novamente a medalha de ouro para casa, o time pantaneiro teve de vencer todos os três compromissos da chave única, formada por quatro equipes.

Na estreia, no sábado (11), vitória por 16 a 11 sobre o Serviço de Educação Integral (SEI), de Dourados. Na parte da parte, triunfo por 18 a 17 diante de Paranaíba, representada pela E.E. José Garcia Leal. O confronto direto que definiu o título ocorreu no domingo (12), contra a Escola Municipal Doutor Eduardo Olímpio Machado, de Campo Grande. No fim, vitória dos aquidauanenses pelo placar de 17 a 9.

“Campeonato muito difícil, muito rápido, então para a gente chegar aqui e conquistar o título deu muito trabalho. Montamos a equipe com poucos dias de treino, mas viemos competir de igual para igual e fomos coroados”, enfatizou o técnico de Aquidauana, Cristio Duarte.

Gustavo Belardo Ferreira é o único remanescente do plantel da Dóris Mendes Trindade que se sagrou campeã dos Jogos Escolares da Juventude de MS em 2019 e, também, levantou o troféu da fase regional, em Cascavel (PR).

“Comecei a treinar em 2018 e já em 2019 fomos campeões duas vezes. Então, já conseguimos ser os melhores do estado e da região. A equipe trabalhou forte na escola, viemos bem fortes neste ano e, com certeza, queremos chegar ainda mais longe na etapa brasileira”, afirmou o atleta de 14 anos.

Fonte: AGECOM/ Com informações da Fundesporte MS