Polícia Civil flagra cinco empresas furtando energia em cidade de MS

Operação da Polícia Civil flagrou furto de energia e outras irregularidades em cinco empresas de Brasilândia, nesta terça-feira (15). A ação foi acompanhada pela empresa Elektro, que é a concessionária que atende a cidade.

Primeiro, diz a polícia, foram vistoriadas três indústrias de cerâmica, em uma região industrial da cidade, no Reassentamento Novo Porto João André. Ali foram constatadas fraudes em medidores instalados nas empresas. As fraudes observadas consistiam em ligações diretas realizadas nos quadros de medição de forma que a energia consumida não era registrada pelos aparelhos.

Dois proprietários de indústrias foram presos em flagrante delito, sendo que um deles tentou fugir correndo pelos fundos ao notar a ação policial, mas foi alcançado e contido. Os ceramistas foram autuados em flagrante delito por crime de furto qualificado (mediante fraude) e permaneceram recolhidos à disposição da Justiça.

Em seguida, diz o delegado Thiago José Passos da Silva, a ação mirou comércios na área urbana. Três estabelecimentos foram vistoriados e encontrada fraude em um deles. Uma mulher de 65 anos foi presa após ser flagrada desligando o interruptor de um sistema de desvio de energia instalado dentro do medidor.

Quando esse aparelho era ligado, impedia que parte da energia consumida em uma das fases da rede elétrica fosse registrada. A mulher pagou fiança de R$ 3 mil e responderá em liberdade.

A ação contou com Policiais Civis de Santa Rita do Pardo, Brasilândia e Bataguassu.

Fonte: TopMídiaNews