Gabriel é denunciado pelo STJD e pode desfalcar o Santos

27

Gazeta Esportiva/JB

Na briga por uma vaga no G4 após uma boa recuperação nesta reta final de temporada, o Santos pode ter um desfalque importante nas últimas seis rodadas da Série A do Campeonato Brasileiro: o atacante Gabriel, denunciado nesta segunda-feira pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD).

O julgamento está marcado para esta quinta-feira, dia 29 de outubro, logo após o duelo de volta contra o São Paulo, na Vila Belmiro, pela semifinal da Copa do Brasil. Se punido, o jogador pode receber um gancho de até seis partidas – deste modo, não poderia mais defender o Peixe na atual edição do torneio de pontos corridos.

A suspensão, porém, não se aplicaria ao torneio de mata-mata se a equipe de Dorival Júnior avançar à decisão. A denúncia parte das reclamações de Gabriel contra a arbitragem de Marielson Alves Silva no jogo diante do Grêmio, válido pela 30ª rodada do Brasileirão. Ao término da partida, o santista recebeu o cartão vermelho direto.

“Expulsei de forma direta o Sr. Gabriel Barbosa Almeida, nº 10 da equipe do Santos FC, ao se dirigir ao quarteto de arbitragem após o término da partida proferindo as seguintes palavras: ‘vocês só fazem merda, vocês só fazem merda’. Após estas palavras, o mesmo se retirou do campo de jogo sem maiores problemas”, relatou o árbitro na súmula.

Deste modo, o atacante pode ser enquadrado no artigo 258 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD) por “assumir conduta contrária à disciplina ou à ética desportiva”. Além do jovem atleta de 19 anos, o próprio clube também foi denunciado pelo atraso de cinco minutos para o início da etapa complementar, e pode ser multado entre R$ 100 e R$ 1 mil por minuto.

Foto: Gazeta Press