Parecer de Cunha sobre impeachment deve ser adiado

24

Por Jhoseff Bulhões

O presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB/RJ), deve adiar a divulgação de seu parecer a respeito do pedido de impeachment da presidente Dilma Rousseff apresentado pelos juristas Hélio Bicudo e Miguel Reale Júnior. A previsão era de que ele se manifestasse nesta terça-feira (13).

Como a presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), deve adiar a divulgação de seu parecer a respeito do pedido de impeachment da presidente Dilma Rousseff apresentado pelos juristas Hélio Bicudo e Miguel Reale Júnior. A previsão era de que ele se manifestasse nesta terça-feira, 13. Porém, como a oposição decidiu apresentar nessa terça um aditamento ao requerimento para incluir as chamadas “pedaladas fiscais” cometidas neste ano, Cunha não deve conseguir se pronunciar.

De acordo com o site MSN, a previsão inicial era que, diante do indeferimento articulado por Cunha com a oposição, o recurso ao plenário seria apresentado até quinta-feira, 15. Agora, os oposicionistas não devem mais apresentar o questionamento à decisão do peemedebista nesta semana, retardando o início de um eventual processo contra a petista.

Foto: Reprodução