Cadáver achado em rodovia, era de homem supostamente envolvido em crime

31

por Avelino Neto

O homem achado morto na margem da MS-040 que liga Campo Grande a Santa Rita do Pardo, na última segunda-feira (2) seria ligado a quadrilha de arrastadores que levam veículos furtados ou roubados de diferentes regiões para o Paraguai ou Bolívia. A definição surgiu após a Polícia Civil, através da 4ª Delegacia (Moreninhas) identificar o cadáver como sendo de Cláudio Luiz da Silva, 40 anos, motorista e que residia em um condomínio no Jardim Tijuca, em Campo Grande. Leia a matéria completa na edição desta sexta-feira do JNE (Jornal Notícias do Estado)

Foto: Simão Nogueira